Os elementos chave no coração da nossa inovação

Tecnologia, Perspetiva e Paixão

Quando lhe são receitados medicamentos pelo seu médico, é natural que preste mais atenção ao número de comprimidos que tem de tomar e quando tem de os tomar, do que aos seus ingredientes. Os medicamentos dos tempos modernos são muitas vezes resultado de décadas de investigação rigorosa, inúmeras falhas no laboratório e talvez uma descoberta surpreendente – e tudo isto antes de serem submetidos aos vários testes exigidos para conseguir aprovação regulamentar.

Mas olhando bem para o rótulo, vai encontrar entre os ingredientes, um ou mais elementos essenciais – Ingredientes Farmacêuticos Ativos (IFA) - e são estes que tornam um pequeno comprimido branco em algo que pode transformar a sua vida.

O desenvolvimento de novos IFA nunca é um processo rotineiro. Com o potencial de sucesso, não em anos, mas em décadas no futuro, requer que os nossos cientistas mantenham uma paixão extraordinária e um sentido profundo de compromisso para com a missão. Com vários obstáculos esperados no caminho, a tenacidade é essencial, bem como a flexibilidade de reconhecer novas possibilidades que possam surgir de um aparente fracasso.

Naturalmente que estamos unidos enquanto empresa, e com os nossos investigadores, nesta missão de encontrar novas curas, e envidamos grandes esforços para ajudá-los na descoberta e desenvolvimento de novos IFA. A nossa tecnologia de ponta e instalações globais evoluem constantemente para tirar partido de novas descobertas.

A partilha de conhecimento por parte de funcionários com décadas de experiência, e com colegas mais jovens, é uma parte essencial da nossa cultura de trabalho, e desempenha um papel importante na criação de relacionamentos fortes na comunidade e em assegurar que mantemos produtos de qualidade.

Do laboratório para o doente

api01

Depois de um IFA ter sido desenvolvido, refinado e testado, o desafio seguinte é fabricá-lo em escala. Em salas impecavelmente limpas, são colocadas combinações de pó e líquido medidas com exatidão, em reatores gigantes com capacidade até 3 000 litros, e são aquecidas, filtradas e depois secas para criar o produto final. Um único ciclo de produção pode produzir 100 quilos de um IFA, o equivalente a cerca de 10 milhões de comprimidos se cada um contiver 10 miligramas da substância.

api02

Depois de fabricados, com a quantidade de IFA controlada com precisão, estes comprimidos são submetidos a processos de embalamento e testes automatizados, antes de entrarem finalmente na cadeia de distribuição. É apenas após este processso demorado que chegam até si.

Nenhum rótulo de um frasco de comprimidos será alguma vez suficientemente grande para contar a história completa do desenvolvimento do medicamento. Pode apenas listar os IFA, mas saberá que haverá muito mais do que os olhos podem ver.